Coleta seletiva: Imbituba entra na ‘Onda da Reciclagem’

Cooperzimba anuncia novidade que revoluciona a coleta seletiva na cidade e anuncia a contratação de 38 ‘torres verdes’ em dois anos, quando estima-se que o sistema estará totalmente implantado. Nesta primeira fase do projeto, 7 bairros já serão atendidos. A ideia é envolver o poder público e moradores no projeto

PEV - Pontos de Entrega Voluntário - modelo Torre Verde, que fazem parte da primeira fase da implantação do Sistema Torre Verde de Coleta Inteligente, em Imbituba.

A Cooperativa de Trabalho dos Catadores de Materiais Reciclados de Imbituba, a Cooperzimba, constituída em 2003, vem realizando um trabalho exemplar, separando todo lixo reciclado e dando bons exemplos através de projetos e apoio a causas sócios ambientais, anunciou nesta semana uma novidade para a coleta seletiva da cidade.

Buscando se adequar às exigências da Política Nacional de Resíduos Sólidos – Lei 12.305/2010 – o que é um dos motivos pelos quais foi realizada a contratação de uma cooperativa de catadores para a realização da Coleta Seletiva, no primeiro ano do contrato a COOPERZIMBA passou das 40 toneladas mensais coletadas para 120 toneladas mês, e passou de 09 associados para 31, além de seis funcionários contratados, contando hoje com um total de 37 família diretamente beneficiadas.

Parceria trás para Imbituba sistema inovador na coleta seletiva

Neste fim do mês de agosto, a Cooperzimba anuncia que já estão instalados dois dos doze PEVs – Pontos de Entrega Voluntário – modelo Torre Verde, que fazem parte da primeira fase da implantação do Sistema Torre Verde de Coleta Inteligente, em Imbituba. Segundo a Cooperativa, este sistema, que pode ser melhor compreendido através do vídeo abaixo, e está sendo trazido para Imbituba através de uma parceria entre a COOPERZIMBA, a empresa NGV Brasil e a empresa Torre Verde.

Nesta primeira fase serão contemplados os bairros de Arroio, Alto Arroio, Arroio do Rosa, Araçatuba, Barra da Ibiraquera, o Centro da cidade e o bairro de Vila Nova. Estudos realizados demonstraram que 38 PEVs Torre Verde são suficientes para atender todo o município de Imbituba. Estima-se que dentro de dois anos o sistema estará implantado integralmente.

Contrato foi firmado em 2019 entre município e Cooperzimba, e agora encaminha aquisição de Veículos leves de coleta

A novidade faz parte do contrato para a Nova Coleta Seletiva, firmado em agosto de 2019 entre o município de Imbituba e a Cooperativa de Catadores de Imbituba – COOPERZIMBA.

Em paralelo à instalação dos PEVs a COOPERZIMBA também está encaminhando a aquisição dos VLCs – Veículos Leves de Coleta, os quais serão utilizados pelos Zeladores/Catadores de Bairro, estes também em fase de recrutamento.

Presidente do Conselho da Cooperzimba destaca “projeto inovador que coloca Imbituba em destaque”

Na verdade gostaríamos que a primeira fase já estivesse concluída. Mas entendemos que um projeto inovador como este, que com certeza irá colocar Imbituba em local de destaque no que tange à destinação correta de resíduos, não pode acontecer da noite para o dia.“- declara o presidente do Conselho de Administração da COOPERZIMBA, Anselmo Ramos.

Imbituba tem suas peculiaridades naturais que precisam ser levadas em conta, como nosso vento nordeste, a proximidade com lagoas e praias. Cada instalação deve ser precedida por uma série de pequenas mas meticulosas ações e até reestudos, visando a eficiência e a segurança de todo o trabalho“, completa Anselmo.

Os PEVs serão instalados em áreas públicas e privadas. Para as áreas públicas a COOPERZIMBA solicitou autorização à Secretaria de Infraestrutura e obteve resposta favorável somente no mês de julho. Para as áreas privadas a cooperativa firma Termo de Cooperação com os proprietários.

Fonte: Letícia Viana/Cooperzimba

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *