Ítalo é Campeão em Newcastle

Em uma final dramática, valendo a liderança do ranking do Tour da World Surf League, o campeão mundial Italo Ferreira derrotou o compatriota Gabriel Medina e levantou a taça da Rip Curl Newcastle Cup, segunda etapa da temporada.

Italo sai emocionado da água em Newcastle. Foto: WSL / Miers

A batalha rolou em boas ondas de 1,5 metro de face em Merewether Beach, Austrália. “Nossa, que evento! Foi incrível competir contra tantas pessoas talentosas, que sempre me dão mais incentivo, então só quero agradecer a todos e, especialmente, a minha família e amigos”, disse Italo Ferreira.

O campeão também comentou sobre os confrontos com Medina e em voltar ao topo do ranking:

Cara, ele é uma máquina (risos). Ele me faz ser cada vez melhor. Temos mais três eventos aqui na Austrália, então vai ser uma batalha boa. E sim, eu gosto de amarelo, mas não sei se faz muita diferença no momento

No último dia da Newcastle Cup, Italo Ferreira passou por Deivid Silva também de forma tensa nas quartas de final e em seguida bateu Filipe Toledo na semi e Medina na grande decisão.

Final pega fogo e Ítalo sobra na bateria

Gabriel Medina fica com o vice-campeonato. Foto: WSL /Dunbar

Na batalha final, Italo tentou sair na frente, mas acabou caindo em sua primeira tentativa, deixando a primeira prioridade para Medina. O mesmo aconteceu com seu adversário, que tentou responder logo na sequência.

Na segunda onda, Italo fez bons ataques de backside e somou 6.33. Medina também jogou duro na sequência e reagiu com 8.60. A bateria seguiu pegando fogo e Italo assumiu a liderança com outra direita muito bem surfada que valeu 7.17.

Medina investiu em uma esquerda, mas sem muito sucesso. Em seguida, Italo mandou um aéreo rodando em uma esquerda (5.33) e depois arriscou de backside, sendo recompensado com 7.77 pontos.

Atrás no placar, Gabriel Medina passou a arriscar nas esquerdas, em busca de outro aéreo expressivo, assim como na semifinal, quando bateu o local Morgan Cibillic com uma nota 9.70 na melhor manobra de todo o campeonato, um voo estratosférico.

Em busca de uma nota maior, já que seu adversário precisava de apenas 6.34, Italo tentou uma manobra mais inovadora e até esboçou um backflip de frontside.

O tempo foi passando sem muitas ondas com grande potencial surgindo na bateria. Faltando pouco menos de 10 minutos para o término, Medina usou a prioridade, mas não foi feliz na escolha.

Minutos depois, foi a vez de Italo ir em uma onda para impedir a investida de Medina. O potiguar acabou caindo e a prioridade voltou para o paulista. Nos minutos finais, Gabriel Medina tentou a virada com um alley-oop de frontside, e também falhou.

Italo passou a marcar o adversário até os instantes finais, mas deu um susto na sua torcida ao permitir que Medina remasse em uma direita. Para a alegria do atual campeão do mundo e novo líder do ranking, a onda não apresentou muito potencial e a vitória ficou mesmo com o atleta de Baía Formosa.

Terceira final entre Medina e Ítalo

Essa foi a terceira final que eles se enfrentaram. As outras duas foram na última temporada, com Medina ganhando a primeira em Jeffreys Bay na África do Sul, mas Italo venceu a que decidiu o título mundial de 2019 em Pipeline, no Havaí.

É uma sensação incrível, porque na real é a minha terceira final seguida, então só em estar neste ritmo já é bom demais. Ainda mais com essa turma aqui, especialmente o Italo que está surfando muito

Gabriel Medina destaca encontros frequentes em finais com Ítalo

Está sendo bem divertido encontrar com ele em finais em quase todo evento (risos). Eu me diverti muito aqui em Newcastle e estou feliz com a segunda colocação. Esse lugar é incrível, foi minha primeira vez aqui e adorei, então muito obrigado a todos por nos receber tão bem”.

A próxima etapa acontece em North Narrabeen, Austrália, de 16 a 26 deste mês. Confira mais detalhes em nossas próximas atualizações.

Resultados da Newcastle Cup 2021

Masculino

1 Italo Ferreira (BRA)
2 Gabriel Medina (BRA)
3 Morgan Cibillic (AUS)
3 Filipe Toledo (BRA)

Feminino

1 Carissa Moore (HAV)
2 Isabella Nichols (AUS)
3 Caroline Marks (EUA)
3 Keely Andrew (AUS)

Fonte: AOS Mídia / IF15 Sports

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *