14 de junho de 2024

Diz-se ter sido o primeiro campeonato de surf em SC. Rock, Surf & Brotos.

Acervo: Linha do tempo revela história do surf catarinense

Linha do tempo

1976
Organizado por Cacau Menezes e Ricardinho Machado, o Rock, Surf &Brotos foi o primeiro festival de surfe na Praia da Joaquina, que ainda não tinha nem estacionamento.

1980
Fundação da Associação Catarinense de Surfe

Roberto Lima, primeiro presidente da extinta Associação Catarinense de Surf (ACS), junto a Bita Pereira, considerado um dos melhores surfistas do estado no anos 80. (Foto: Divulgação/Encontro de Gerações

1982
Primeira edição do Festival Olympikus, o Campeonato Brasileiro da época. Organizado pela Masters Produções (Perdigão, Spyer e Boabaid), foi vencido pelo
santista Luiz Neguinho

1985
Com 386 inscritos, o OP Pro substitui o Festival Olympikus e Picuruta Salazar vence a competição na Praia da Joaquina, com o catarinense Waldemar Billo
em segundo lugar

Op Pro 85. Foto- Basilio Ruy

1986
A Praia da Joaquina sedia o Hang Loose Pro Contest. É o retorno do circuito mundial ao Brasil. O evento, que teve ondas de até dois metros e meio de altura, foi vencido pelo australiano Dave Macaulay

1987
Fundação da Associação Brasileira de Surfe Profissional (Abrasp) na Praia da Joaquina, em Florianópolis, e transformação da Associação Catarinense em
Federação (Fecasurf).

1990
Bira Schauffert, Evandro Santos, André Barcelos, Rafael Azevedo e Rossi criam a primeira escola de surfe do Estado, a Surf Tours.

1992
A Praia da Joaquina também sediou a primeira etapa da divisão de acesso à elite do surfe mundial (WQS) realizada no Brasil. Organizada por Bira Schauffert, a competição foi vencida pelo baiano Jojó de Olivença.

1999
Criação do Salva Surf Resgate, equipe pioneira em salvamento aquático e assistência durante as competições

2003
Primeira edição do WCT em Santa Catarina. Kelly Slater vence a competição, que foi transferida para a Praia da Vila, em Imbituba. 

Kelly Slater (à esq.) e Mineirinho se cumprimentam ainda no mar, após o norte-americano faturar o WCT de Imbituba. Foto: Nilton Santos/Divulgação

2009
Gabriel Medina, o fenômeno, vence, aos 15 anos, sua primeira competição profissional internacional, uma etapa do WQS na Praia Mole

2010
Na última edição da etapa mundial em Santa Catarina, o potiguar Jadson André foi o campeão, derrotando Kelly Slater na final, na Praia da Vila, em Imbituba.

Fonte: Maurio Borges/S365

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *