22 de fevereiro de 2024

Maui and Sons Pichilemu Pro é adiado para dezembro no Chile

0

O evento estava marcado para acontecer no próximo fim de semana, 31 de outubro a 2 de novembro, porém uma onda de protestos populares principalmente na capital do país, Santiago, motivou o adiamento.

Punta de Lobos. Foto: Luis Barra/Maui and Sons

A World Surf League, através do seu escritório regional WSL Latin America, após reunião com os organizadores da já tradicional etapa do Chile que vem definindo a campeã sul-americana de surfe profissional nos últimos anos, anuncia a decisão conjunta em adiar o QS 1500 Maui and Sons Pichilemu Women´s Pro by Royal Guard, para os dias 13 a 15 de dezembro nas ondas de Punta de Lobos, em Pichilemu, no sul do Chile.

A decisão foi para evitar qualquer possível incidente para as competidoras de vários países que precisam desembarcar no Aeroporto de Santiago, onde estão ocorrendo as maiores manifestações. Pichilemu fica a mais de 200 Km de distância ao sul da capital e não foi registrada nenhuma movimentação pública em toda a região, mas a entrada de voos internacionais no país, é por Santiago.

A WSL Latin America emitiu um comunicado para todas as atletas nesta quinta-feira, abaixo descrito:

‘Boa tarde,
Tendo em vista que as manifestações e os protestos seguem em Santiago, capital do Chile, como também em algumas cidades vizinhas, a WSL Latin America com o apoio dos respectivos Comissários da WSL Internacional, observando uma solicitação dos organizadores do evento, achou por bem transferir a sua data de realização para os dias 13 a 15 de dezembro próximo.
O local do evento segue em Punta de Lobos, Pichilemu, e os pontos deste QS 1500 serão validados para o ranking feminino do WSL Qualifying Series 2020.
Pedimos desculpas a todas as atletas envolvidas por todo e qualquer transtorno que esta decisão possa vir a causar, mas que esteja bem claro que a decisão foi tomada com o único intuito de preservar a segurança e a integridade das participantes e os interesses dos organizadores e da WSL Latin America.
Sem mais, esperamos poder vê-las novamente participando deste evento em Dezembro.
Muito obrigado,
Roberto Perdigão
Tour Manager
WSL Latin America’

Como foi destacado no comunicado, com a transferência de data, os pontos do Maui and Sons Pichilemu Women´s Pro by Royal Guard, não valerão mais para o ranking 2019 do WSL Qualifying Series, que será encerrado na Austrália. No entanto, será o primeiro resultado a ser computado no ranking de 2020, abrindo a próxima temporada.

A WSL Latin America ainda trabalha para que os pontos possam ser registrados no ranking regional, pois esta terceira etapa feminina do ano no continente, iria definir a campeã sul-americana da temporada 2019 na próxima semana no Chile. Essa decisão ainda será anunciada oficialmente.

Fonte: João Carvalho – WSL South America Media Manager

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *