12 de julho de 2024

Lobitos Pro já define quartas de final do Longboard e do Pro Junior no Peru

0

Ryan Kainalo estreia com recorde do ano no Pro Junior, Arena Rodriguez Vargas defende invencibilidade no ano, Jefson Silva fez a melhor apresentação do Longboard e a sexta-feira começa as 8h00 no Peru, 10h00 no Brasil

Ryan Kainalo bateu recorde do ano na sua estreia no Lobitos Pro Junior. Foto: FENTA.

 O Lobitos Pro Longboard e Junior começou na quinta-feira e já definiu as quartas de final de duas das quatro competições disputadas na província de Talara, em Piura, no Peru. O primeiro dia nas esquerdas perfeitas de Piscinas, foi iniciado por duas fases do Longboard masculino e o líder do ranking, Jefson Silva, ganhou a maior nota nos pranchões. Nas pranchinhas, a peruana Arena Rodriguez Vargas manteve sua invencibilidade e Ryan Kainalo bateu recorde do ano na categoria Pro Junior. A segunda fase masculina continua nesta sexta-feira, a partir das 8h00 no Peru, 10h00 no Brasil, ao vivo pelo WorldSurfLeague.com.

As duas etapas seguidas da World Surf League (WSL), organizadas pela FENTA (Federacion Deportiva Nacional de Tabla) no litoral norte do Peru, reúnem no mesmo evento o início do esporte e o futuro, com as competições de Longboard e da categoria para surfistas com até 20 anos de idade. No Pro Junior, Arena Rodriguez Vargas está invicta na temporada sul-americana de 2024. Ela ganhou as duas primeiras etapas e manteve a invencibilidade na sua estreia no Lobitos Pro Junior, contra a equatoriana Genesis Garcia e a também peruana Valentina Escudero.

Arena Rodriguez Vargas defende uma invencibilidade em 2024 no Lobitos Pro. Foto: FENTA.

“Estou muito feliz por ter passado minha bateria em primeiro. É uma bateria que sempre tem um pouco de nervosismo e isso afeta seu surfe. Mas, consegui pegar boas ondas e ficar conectada para vencer”, disse Arena Rodriguez Vargas, que falou sobre a participação peruana no Lobitos Pro“O nível está altíssimo, a Sofi (Sofia Artieda), Cata (Catalina Zariquiey), Kalea (Gervasi), Brianna (Barthelmess), todas estão arrebentando. Que bom que elas estão representando bem aqui em Lobitos, o nível já é alto e vai seguir subindo”.

A única surfista de outro país a passar para as quartas de final, foi a equatoriana Genesis Garcia, na bateria da Arena Rodriguez Vargas que fechou a primeira fase do Lobitos Pro Junior. As outras sete classificadas são do Peru. A primeira vaga nas semifinais será disputada por Camila Sanday e a recordista do dia entre as meninas, Catalina Zariquiey, que surfou uma onda que valeu nota 9,00 e totalizou imbatíveis 15,00 pontos na primeira bateria feminina do dia.

Catalina Zariquiey fez os recordes femininos do Lobitos Pro Junior na quinta-feira. Foto: FENTA.

Na segunda quarta de final, a vice-líder do ranking, Kalea Gervasi, vice-campeã nas finais com Arena Rodriguez Vargas nas duas primeiras etapas da categoria Sub-20 esse ano, enfrenta Brianna Barthelmess. Na terceira, tem Sofia Artieda contra a surfista do Equador, Genesis Garcia. Depois, Arena Rodriguez Vargas fecha as quartas de final contra a surpresa da quinta-feira, Chris Daniela Zapata, por ter eliminado a chilena Rafaella Montesi.

A primeira fase masculina do Lobitos Pro Junior foi iniciada em seguida, com os peruanos ganhando a maioria das oito baterias. Foram três vitórias do Peru, contra duas do Brasil, duas do Equador e uma do Chile. Na primeira, Gabriel Ljubicic venceu um confronto 100% peruano com a primeira nota excelente, 8,00. Já o brasileiro Sunny Pires conseguiu a maior pontuação das duas ondas computadas nos resultados, 14,66 com notas 7,83 e 6,83. 

RECORDE DO ANO – Depois da primeira fase, rolaram as quatro primeiras da rodada de estreia dos 16 cabeças de chave mais bem colocados no ranking da WSL South America. E todas as marcas foram batidas logo na primeira bateria, pelo atual campeão sul-americano Pro Junior, Ryan Kainalo. O paulista de Ubatuba mostrou a força do seu backside nas esquerdas perfeitas de Piscinas, com batidas verticais e rasgadas formando grandes leques de água. Ele só surfou três ondas e já começou com 8,67, ganhou 6,33 na segunda, que trocou pelo 8,33 da última, para vencer por 17 pontos. Ryan Kainalo fez o maior somatório da categoria Pro Junior esse ano, superando os 16,83 do Sunny Pires no Saquarema Surf Festival.

Ryan Kainalo usando suas batidas verticais de backside nas esquerdas de Piscinas. Foto: FENTA.

“Estou muito contente e queria agradecer a todos de Lobitos e os locais de Piscinas”, disse Ryan Kainalo“É uma onda muito boa, mas nos outros dias tinha muitas pessoas, então era difícil de pegar as melhores. É muito bom estar competindo em uma onda como essa. É como um sonho. O campeonato está com um nível muito forte. A partir da segunda fase, é só notas excelentes, porque as ondas são muito boas. Estou bem feliz, bem focado, minha prancha tá mágica, então vamos pra cima, que amanhã tem mais”.

O atual campeão sul-americano chegou no Peru em oitavo no ranking, distante da briga pelas duas vagas para o Mundial Junior da World Surf League, título que ele disputou e não conseguiu nos dois últimos anos na Califórnia. Após a estreia espetacular do Ryan Kainalo, o líder do ranking regional de 2024, Leo Casal, também ganhou a sua primeira bateria no Lobitos Pro Junior. Já a terceira foi vencida pelo equatoriano Maximiliano Saenz, que foi o primeiro a derrubar um dos cabeças de chave, o chileno Noel De La Torre

O brasileiro Fabricio Rocha avançou junto com o surfista do Equador, único a ganhar duas baterias na quinta-feira em Piscinas. A última do dia foi um confronto direto entre Peru e Brasil, que terminou empatado. Samuel Joca passou em primeiro lugar e Mateo Christodulu superou Alejandro Bernales na briga pela segunda vaga, com o brasileiro Nathan Hereda ficando em último. Mateo Juan Diego Rios foram os dois primeiros peruanos a passar para a terceira fase, que vai decidir os classificados para as quartas de final.

Mateo Christodulu foi o segundo peruano a passar para a terceira fase na quinta-feira. Foto: FENTA.

LONGBOARD MASCULINO – As quartas de final do Longboard masculino, já foram definidas nas duas fases completadas na quinta-feira em Piscinas. O peruano Lucas Garrido Lecca ganhou duas baterias e vai disputar com o brasileiro Carlos Bahia, a primeira vaga para as semifinais do Lobitos Longboard Pro. Outro peruano, Matias Maturano, vice-líder do ranking da WSL South America, enfrenta o uruguaio Julian Schweizer na segunda bateria.

A terceira é mais um confronto do Peru com o Brasil, entre Joan Aponte e Wenderson Biludo. E a última será um duelo entre os vencedores das duas primeiras etapas, com Jefson Silva campeão do Uruguay Longboard Festival e líder do ranking, contra Alexandre Escobar que festejou sua primeira vitória no Saquarema Surf Festival.

Jefson Silva venceu a última bateria, dando show com suas manobras clássicas no bico do pranchão, o “hang ten” e hang five”. Ele ganhou 7,77 na melhor onda, a maior nota do Lobitos Longboard Pro. Mas, seus 13,60 pontos ficaram abaixo dos 14,10 que o Wenderson Biludo tinha atingido na bateria anterior.

Jefson Silva em um estiloso “hang ten” nas esquerdas perfeitas de Piscinas. Foto: FENTA.

“Estou muito contente em passar para a próxima fase. É a minha primeira vez em Lobitos, na região norte do Peru e estou muito feliz em estar aqui”, disse Jefson Silva“É um lugar que tem bons surfistas, bons longboarders e estou feliz em passar para a próxima fase da competição, porque quero conseguir um bom resultado aqui. Os competidores são muito bons, mas sei que só preciso surfar e o campeonato está muito bom. As ondas são muito boas, então vamos nos divertir e que ganhe o melhor”.

Estas duas etapas promovidas pela FENTA no Peru, vão decidir os títulos sul-americanos e apenas o campeão e a campeã, garantem participação no Circuito Mundial de Longboard da WSL, que será iniciado em julho nas direitas clássicas de Bells Beach, na Austrália. Jefson Silva lidera o ranking, seguido de perto pelo peruano Matias Maturano e por mais dois brasileiros, Alexandre Escobar e Wenderson Biludo. A decisão dos títulos vai acontecer no Huanchaco Pro Longboard e Junior na semana que vem, de 19 a 22 de junho na Playa El Elio, na província de Trujillo, em La Libertad, também no norte do Peru.

O peruano Matias Maturano é o vice-líder no ranking e busca o título sul-americano em casa. Foto: FENTA.

PRÓXIMAS BATERIAS DO LOBITOS PRO LONGBOARD E JUNIOR:

SEGUNDA FASE JUNIOR – 3.o=17.o lugar (200 pts) e 4.o=25.o lugar (150 pts):
———-as 4 primeiras baterias fecharam a quinta-feira
5.a: Rodrigo Saldanha (BRA), Noah De Col (PER), Sunny Pires (BRA), Bastian Pierce (PER)
6.a: Guilherme Ferreira (BRA), Takeshi Oyama (BRA), Andy Rivera (ECU), Alan Montgomery (PER)
7.a: Rickson Falcão (BRA), Guilherme Carvalho (BRA), Lucas Rosario (BRA), Pol Huguet (PER)
8.a: Cauet Frazão (BRA), Igor Shibata (BRA), Walter Sanchez (PER), Ryan Martins (BRA)

TERCEIRA FASE JUNIOR – 1.o e 2.o passam para as quartas de final:
———-3.o=9.o lugar (350 pts) e 4.o=13.o lugar (295 pts)
1.a: Ryan Kainalo (BRA), Leo Casal (BRA), Fabricio Rocha (BRA), Mateo Christodulu (PER)
2.a: Samuel Joca (BRA), Maximiliano Saenz (ECU), Tomas Goransky (ARG), Juan Diego Rios (PER)
—-as outras 2 baterias serão formadas pelos resultados da segunda fase

QUARTAS DE FINAL DO JUNIOR FEMININO – 5.o lugar com 500 pontos: 
1.a: Catalina Zariquiey (PER) x Camila Sanday (PER)
2.a: Kalea Gervasi (PER) x Brianna Barthelmess (PER)
3.a: Sofia Artieda (PER) x Genesis Garcia (ECU)
4.a: Arena Rodriguez Vargas (PER) x Crhis Daniela Eche (PER)

PRIMEIRA FASE DO LONGBOARD FEMININO:
1.a: Luana Soares (BRA) e Funny Vilao (ECU)
2.a: Rayane Amaral (BRA) e Kate Brandi (BRA)
3.a: Evelin Neves (BRA) e Gabriela Sztamfater (BRA)
4.a: Maria Fernanda Reyes (PER) e Carolina Thun (PER)

QUARTAS DE FINAL DO LONGBOARD – 5.o lugar com 500 pontos:
1.a: Lucas Garrido Lecca (PER) x Carlos Bahia (BRA)
2.a: Matias Maturano (PER) x Julian Schweizer (URU)
3.a: Wenderson Biludo (BRA) x Joan Aponte (PER)
4.a: Jefson Silva (BRA) x Alexandre Escobar (BRA)

RESULTADOS DA QUINTA-FEIRA NO LOBITOS PRO:

PRIMEIRA FASE LONGBOARD – 3.o=17.o lugar (200 pts) e 4.o=21.o lugar (174 pts):
1.a: 1-Lucas Garrido Lecca (PER), 2-Jorge Vilchez (PER), 3-Joel Ucanan (PER)
2.a: 1-Raphael Jaguszewski (BRA), 2-Sebastian Cordoba (PER), 3-Juan Carlo Huarote (PER)
3.a: 1-William Saldanha (PER), 2-Gino Perez (PER), 3-Stefano Vergaray (PER)
4.a: 1-Walter Blas (PER), 2-Raphael Cortez (CHL), w.o-Carlos Peres (VEN)

SEGUNDA FASE – entrada dos 8 cabeças de chave:
———-3.o=9.o lugar (350 pts) e 4.o=13.o lugar (295 pts)
1.a: 1-Lucas Garrido Lecca (PER), 2-Matias Maturano (PER), 3-José Loor (ECU), 4-Sebastian Cordoba (PER)
2.a: 1-Julian Schweizer (URU), 2-Carlos Bahia (BRA), Jorge Vilchez (PER), 4-Raphael Jaguszewski (BRA)
3.a: 1-Wenderson Biludo (BRA), 2-Alexandre Escobar (BRA), 3-Raphael Cortez (CHL), 4-William Saldanha (PER)
4.a: 1-Jefson Silva (BRA), 2-Joan Aponte (PER), 3-Walter Blas (PER), 4-Gino Perez (PER)

PRIMEIRA FASE JUNIOR – 3.a=9.o lugar (350 pts) e 4.a=13.o lugar (295 pts):
1.a: 1-Catalina Zariquiey (PER), 2-Kalea Gervasi (PER), 3-Urpi Prado (PER)
2.a: 1-Brianna Barhelmess (PER), 2-Camila Sanday (PER), 3-Nina Linder Mau (PER)
3.a: 1-Sofia Artieda (PER), 2-Chris Daniela Zapata (PER), 3-Rafaella Montesi (CHL),
4.a: 1-Arena Rodriguez Vargas (PER), 2-Genesis Garcia (ECU), 3-Valentina Escudero (PER)

JUNIOR MASCULINO – 3.o=33.o lugar (66 pts) e 4.o=41.o lugar (63 pts):
1.a: 1-Gabriel Ljubicic (PER), 2-Lucca Barrientos (PER), 3-Diego Garcia (PER)
2.a: 1-Reimundo Berry (CHL), 2-Indar Cavani (PER), 3-Matias Cordova (PER)
3.a: 1-Maximiliano Saenz (ECU), 2-Nathan Hereda (BRA), 3-Santiago Trebilcock (CHL)
4.a: 1-Mateo Christodulu (PER), 2-José Braq (BRA), 3-Benjamin Espinosa (PER)
5.a: 1-Sunny Pires (BRA), 2-Alan Montgomery (PER), 3-Daniel Roque (PER)
6.a: 1-Andy Rivera (ECU), 2-Bastian Pierce (PER), 3-Kailani Vincensini (PER)
7.a: 1-Lucas Rosario (BRA), 2-Ryan Martins (BRA), 3-Enrico Malhado (BRA)
8.a: 1-Walter Sanchez (PER), 2-Pol Hughet (PER), 3-Jorge Facundo (PER)

SEGUNDA FASE – entrada dos 16 cabeças de chave:
———-3.o=17.o lugar (200 pts) e 4.o=25.o lugar (150 pts)
1.a: 1-Ryan Kainalo (BRA), 2-Juan Diego Rios (PER), 3-Gabriel Ljubicic (PER), 4-Indar Cavani (PER)
2.a: 1-Leo Casal (BRA), 2-Tomas Goransky (ARG), 3-Reimundo Berry (CHL), 4-Lucca Barrientos (PER)
3.a: 1-Maximiliano Saenz (ECU), 2-Fabricio Rocha (BRA), 3-Noel De La Torre (CHL), 4-José Braq (BRA)
4.a: 1-Samuel Joca (BRA), 2-Mateo Christodulu (PER), 3-Alejandro Bernales (PER), 4-Nathan Hereda (BRA)

Fonte: João Carvalho – WSL Latin America Media Manager

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *